Imagem capa - CONHECES A HISTÓRIA DE SÃO VALENTIM? por Foto Arte
Dia dos Namorados

CONHECES A HISTÓRIA DE SÃO VALENTIM?

No dia 14 de fevereiro celebra-se o "Dia dos Namorados" em diversas partes do mundo, mas pouca gente sabe o porquê.

  


   Conta-se que durante o século III, o Imperador Cláudio II de Roma durante o seu reinado proibiu a realização de casamentos. Esta medida nasceu do facto de Cláudio ter como obsessão criar para o Império um exército cada vez maior e mais forte, considerando que os laços familiares que o casamento iria criar, impediriam os jovens romanos de se alistarem no seu exército.

       Ora diz-se que um bispo católico, de nome Valentim, contra a ordem do imperador, continuou com a celebração de matrimónios, abençoando assim o amor dos jovens casais. Não tardou muito que fosse descoberto e que, por ordem do Imperador, fosse preso, torturado e condenado à morte.

         Durante a sua permanência na prisão, muitos eram os que, através das grades da cela, lhe entregavam mensagens dizendo que acreditavam no amor. Entre esses jovens encontrava-se uma rapariga cega, Artérias, filha do carcereiro, a qual conseguiu a permissão para visitar Valentim.

       Conheceram-se e apaixonaram-se, tanto, que a moça, milagrosamente, recuperou a visão!

       O sacerdote cristão escrevia-lhe missivas em que assinava “do teu Valentim”, como hoje ainda se usa em certos países.

        Valentim foi decapitado no dia 14 de fevereiro de 269 d.C.

        A história não teve um final feliz como nos contos de fadas, mas a memória de São Valentim perpetuou na história como sinónimo do amor.

       Devido à indefinição e à falta de factos históricos comprovados para além de qualquer dúvida, a Igreja Católica não celebra oficialmente esta data. Não é por isso, no entanto, que o Dia de São Valentim, dia dos namorados, deixa de ser festejado em todo o mundo, tendo passado a fazer parte das tradições nacionais. Assim sucede há séculos – em Portugal, por exemplo.

Portando, namorem muito e sejam felizes!



      Do ponto de vista prático, e para quem ama, o amor deve ser celebrado todos os dias, mas tal como os aniversários de nascimento, de casamento ou até o Natal, há um dia específico para o assinalar.

      A verdade é que São Valentim não é consumista, mas todos gostam de ser mimados, portanto aproveite este dia para oferecer a quem ama um presente especial! Nós da Foto Arte temos diversas sugestões, confere: